Escura?

Logan

Todos os capítulos estão em Logan
  1. Otako
  2. Logan
  3. Logan
A+ A-

Operação contra o invasor

Meu nome é James Ryze barton sou o sargento responsável pelo esquadrão céu vermelho, minha esposa Sofia é um dos membros do meu esquadrão, estávamos em uma das bases de operações, na minha sala quando o general Rhodes, entra.

– Sargento Ryze.

– Sim General.

– Tenho um operação para o seu esquadrão.

– Operação?

– Sim, rank Sss.

– Que tipo de operações e quando vai ocorrer?

– Um indivíduo surgiu misteriosamente em cidade pequena, ao Oeste daqui, uns 478 Kilometros, ele não foi identificado.

– Como assim não foi?

– ele não nada que conhecemos.

– quando vai ser?

– amanhã de manhã, à operação é uma emergência. E não se preocupe terá todo apoio preciso.

– entendido vou informar ao esquadrão.

– Ok.

O general mal sai da sala e eu reuni o esquadrão, dei toda informação que o general me passou para eles.

– O que vocês acham?

– Nos estamos com você.

– É.

– o que dizer ta falado.

Eu fui até à minha esposa que estava presente na sala, como parte do esquadrão, saber sua opinião.

– amor, o que você acha?

– Você é o sargento, mas se acha que temos capacidade, então vamos.

– Ok.

Voltei para o meio da sala.

– Esquadrão se preparem, temos uma operação.

Então chega a hora da operação, depois de embarcamos no avião, e fomos em direção ao alvoQuando nos aproximamos do local,ar estava denso, era uma manhã fria e escura, como se não houvesse sol.

Desembarcamos do avião, e já fomos recebidos por um sargento chamado Silva.

– Prazer esquadrão céu vermelho, sou o sargento Silva.

– prazer.

Enquanto caminhávamos até o centro de operações para pegar as armas, conversava com o sargento para ter mais informações sobre esse ser.

– quero um relatório do que está acontecendo?

– hã… É um ser humanoide, ele é bem poderoso, nunca vimos nada igual.

– Tentaram fazer contato?

– Sim,ele reagiu com hostilidade, e nos atacou.

– Ok,quero dois helicóptero, e um apoio aerio de caças.

– Entendido.

Fomos para a base de operações onde eu mostrei meu plano à eles, depois pegamos os helicópteros e partimos em direção ao alvo. Ao nos aproximarmos dele, ele reagiu disparando algo mas o piloto do helicóptero desviou.

O que me deixou surpresas era sua aparência, achei um monstro, mas era um homem, com um tipo de energia em volta.

Como não sabia a imensidão de sua força, tive testa-la, me comuniquei com um navio dr ataque, que estavam muito, muito longe de nós, dei à ordem ao navio que lançassem um míssil

contra o alvo.

A explosão foi gigantescas, mas ao olharmos para o alvo, ele estava intacto.

– O que? Não é possível.

Eu não acreditei no que vi, como ele sobreviveu e sem um arranhão.E em questão de segundos ele contra atacou, disparou uma energia para todos os lados, atingiu nosso helicóptero, mas o piloto conseguiu evitar que a queda fosse mortal para nos, pena para

ele teve que morrer no processo.

Me levantei do helicóptero, com ferimentos, nada grave, apenas cortes superficiais e arranhões.

A primeira coisa que fiz ao sair foi ajudar minha esposa à sair do helicóptero, ela estava machucado, mas também não havia nada de grave.

– Você está bem amor?

– Estou.

– Retirei os outros do helicóptero, vou para me aquela coisa.

– Mas..

– Apenas faça isso, vou ficar bem.

Mesmo não sabendo do que se tratava meu inimigo e temendo a morte. fui enfrenta-lo mesmo assim.

Ao me aproximar dele, ele me atacou com essa energia mas usei meu poder para me defender, sou mutante, passou o pode de basicamente controlar as coisas com a mente, foi o que fiz para bloquear o ataque dele, eu puxei um pedaço do helicóptero para minha frente e usei como escudo.

Ele me atacou de novo, dessa vez não consegui bloquear, então desviei mas o impacto do ataque me arremessou longe.

Eu sei que não posso o vencer, mas se eu conseguir tocar ele posso entrar em sua mente o fazendo desmaiar,mas o problema é chegar perto dele com certeza ele é mais rápido que eu.

Para minha sorte alguém do meu esquadrão pediu apoio aéreo, era questão de tempo até que eles chegassem, provavelmente iriam o atacar, então essa era à minha chance de me aproximar enquanto ele está destraido.

O apoio chega, eles disparam uma sessão de mísseis contra o alvo, era minha chance, fui com tudo, correndo na Direção dele, desviando dos destroços dos ataques e bloqueando os seu ataques.

No momento em que ele iria disparar uma grande quantidade de energia, suficiente para dizimar toda aquela cidade em um piscar de olhos, eu toco suas costas, uso meu poder mas inesperado acontece, era para ele desmaiar mas o mesmo fica paralisado apenas. Passo no rádio para os caças,que estavam dando a volta para mais uma onde de ataque.

– Aqui é sargento James Ryze, cancelar o ataque o alvo foi pego, ele está fora de combate, eu o paralisei e o prendi.

– Entendi Ryze, onda de ataque cancelada.

-…

Respirei cansado mas feliz de ter completado a operação.

não demorou muito a equipe chegou, resgataram meu esquadrão, levaram minha esposa para umas das bases médicas da Iw. Já eu com o alvo para à prisão de segurança máxima da Iw.Estávamos em uma aeronave militar com um tipo de cela especial dentro onde o alvo paralisado estava,eu estava com ele, enfrente à sua cela para evitar dele tentar fugir e para controlar o tempo que ele ficaria paralisado.

No caminho, algo aconteceu, ele mesmo paralisado conseguia fala, falar minha língua.

– isso é culpa de vocês, a Iw é o vilão, vocês fizeram isso comigo,tiram a minha casa. . E irão pagar,por ter me traidor e feito o que fez comigo.

– Cala boca porra.

Chegamos na prisão, a aeronave mau pousou e já havia uns 20 soldados fortemente armado. Eles entraram no avião e utilizaram tranquilizantes nele e o transferiram para um cela especial de última tecnologia.

O responsável pela prisão, o general Felps foi até mim, eu estava sentado dentro da aeronave.

– então é você o responsável por prender o aquele homem sozinho.

– Sou.

– Você sabe que fez o impossível o prendendo.

– É.

– Você é um herói, deve estar ansioso celebrar isso, o aumento e o prestígio que vai ganhar.

– não, quero apenas ficar com minha esposa.

– Ok.

Ele saiu da aeronave e eu e o piloto voltamos para à base de operação com a aeronave,de lá fui para a base médica onde minha esposa está.

Eu entrei em seu quarto com um pequeno de rosas.

– Oi amor, como você está?

– Bem, só sofri machucados leves se duvidar amanhã ganho alto e já volto para o esquadrão.

– Trouxe um buquê com suas flores favoritas.

– É eu estou vendo, você ainda lembra.

– Sempre vou lembrar.

– Ouvir dizer que você foi um herói amor?

– É… Mais ou menos, fiz o que tinha que fazer.

– Para mim você sempre foi e é um herói.

– Obrigado.

– Amor agora tenho que ir, eu tenho uma reunião com a Iw.

– Vai lá meu herói.

Dei risada quando ela falou isso.

– Tchau meu bem, melhoras.

Fui para a reunião da iw, ganhei algumas medalhas para colocar no meu uniforme, depois voltei para minha casa e de Sofia, devo que foi difícil ter uma noite em casa sem ela.

Não consegui dormi, fiquei sentado na sala apenas pensando no que aquele homem falou, porque ele odeia a Iw?, será mesmo que ela o traiu? ele é uma vítima?

Tantas perguntas, nenhuma resposta, acabei pegando no sono.

Na cela, o ser foi imobilizado por um tipo de tecnologia que estava na cela da prisão de segurança máxima, tecnologia da Iw, ele não consegui se mexer e consequentemente nem usar seu poder mas podia falar.

– Eu vou destruir a Iw cada pessoa que servir à ela.

83670cookie-checkLogan

Tags: {{chapter_after_readerarea_novel_tags}}, ,

Série Relacionada

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Capítulo 2