Escura?

Logan

Todos os capítulos estão em Logan
  1. Otako
  2. Logan
  3. Logan
A+ A-

A motivação da vida
Eu estava em casa, fazia dois dias que ocorreu a operação limpeza total, não consegui dormir em nenhum desses dias e como poderia, perdi a pessoa mais importante da minha vida.

Eu só conseguia beber e chorar ,ficava me culpando por tudo, poderia ter salva ela, poderia ter evitado a sua morte.

Chega à hora de seu enterro, seus pais decidiram escolher tudo, o caixão e não me avisaram nada, apenas mandam uma mensagem por texto dizendo a localização e o horário.

Me visti , peguei o carro e fui para o enterro. Quando chegai lá, todos de sua família me encarava com um olhar de raiva e ódio,mas ninguém percebeu o quanto eu estava sofrendo. Sorte minha que está no enterro também alguns soldados, conhecidos meus que era colegas dela e amigos.

Após enterrarem ela, e todos terem se despedindo, eu fui até lá, enquanto olhava para sua lápide, falava o quanto ela significou para mim, o quanto me fez especial, e o quanto eu à amava.

Um dos meus conhecidos, foi até mim, colocou sua mão em meu ombro e tentou me sentir melhor, como se suas palavras tivessem algum significado para mim.

– Eu sinto muito, ela era uma heroína. Deve estar sendo difícil para você.- Você não faz ideia.

Me retirei da li, fui para bar, beber e afogar toda essa dor com álcool. Enquanto bebia, a cada gole do Whisky, lembrava dela, de nossos momentos, de como a conheci,do nosso primeiro beijo. Mas o que não sai de minha cabeça, foi a sua morte e das palavras que ouvi do evo que a matou.

Na TV do bar, passava um noticiário e nele dizia que dois engenheiros e cientista da Iw, criaram uma arma de destruição em massa, ela é semelhante à um satélite. Essa arma se solta no espaço séria a arma mais poderoso já construída podendo destruir planeta.

Os cientistas que a criaram, fizeram que um sistema onde há dois códigos para ligar e desativar ela, e só que tem os códigos são eles, mas suas localizações são totalmente desconhecidas.Nesse que vi a notícia, pensei se os Evos não tem culpa do que fazem, mas mesmo assim matam, então não existe justiça neste mundo.

Me levantei da cadeira onde estava, sem pagar estava saindo do bar.- Ei moço, onde vai,esqueceu de pagar a conta.

– Onde eu vou? Eu vou fazer a verdadeira e única justiça que este mundo precisa.

Preciso e vou mudar este mundo, mas sozinho será impossível por isto precisarei de pessoas para me ajudar a concretizar esse plano, esse ideal que salvará o mundo podre e desigual em que vivemos.

Terceiro dia e pesadelo:

O dia mal amanheceu e já estávamos todos no auditório, para mais uma aula com o sargento Martinez, mas algo me dizia que seria à última com ele.

Acordamos com o chamado da Iw, vesti meu uniforme e sai do quarto, saímos todos juntos do quarto.

– Cara eu não vou me acostumar nunca com esse chamado deles.

– Douglas você é pessoas que mais reclama desse mundo.

– Atá e você é a…

– Ele não sabe nem xingar ela.

– verdade Luan.

– Acho que o hoje não é o meu dia.

Fomos para o auditório, nos sentimos nos mesmos lugares, da outra vez e esperamos o sargento aparecer.

Brenda estava sentada ao meu lado, e estávamos sentados mais na frente dos outros.Douglas não parava de olhar para Brenda durante esta aula, logo Drake percebeu.- Ela bonita mesmo.

– quem???!!!

– UE a Brenda que você não para de olhar para ela, desde de que nos entramos.- é ela bonitas, mas sei lá. Mas ela não gosta de

mim, já viu o jeito que ela me trata, é óbvio que ela não quer nada comigo.

– Ela te trata assim porque você faz perguntas idiotas e tem a história de quando mais alguém te odeia mas gosta de você.

– Será mesmo?

– Olha se você não ir falar com ela, sem agir como um idiota, nunca vai saber.- Tem razão, vou fazer isto agora.

Quando ele foi se levantar para ir fala com ela, o sargento entra na sala, tomando café em uma térmica, a coloca em sua mesa, junto com sua mochila.

– Muito bem, hoje irei fala sobre os Evos novamente .

Os Evos são diferentes dos sub Evos, eles não são pessoas com poderes, eles são o que, de alguma forma fez com que essas pessoas existissem.

Os Evos são criaturas gigantes, colossais, cobertas com uma segunda pele, feita puramente de ossos, como uma armadura. Seu tamanho varia de 10 metros o menor já registado e maior que chegou à 100 metros.

Os Evos tem as mesmas características dos sub evos, como regeneração, feixe e a classificação. Os Evos que são humanidade gigantesco são classificados como Evos de defesa, pois não possuem características de ataque. Já os Evos de ataques, na sua maioria se parecem com animais como lagartos ou cobrar gigantes. E claro existem os rastreadores como o nome diz podem rastrear qualquer alvo a quilômetros de distância, eles também possuem a habilidade de disparar projeteis de seus corpos, como um porco espinho.

Mas todos os Evos, não importando seu tipo, tem algo em comum, eles não são animais raciocinais como nos.

Isso é tudo que devem saber sobre os Evos, até porque não enfrentaram eles,se não, não estariam aqui. Alguém tem alguma pergunta? Drake levanta sua mão.

– Tenho uma pergunta.

– você é o?

– Drake.

– Qual sua pergunta Drake?

– Essas coisas são tão racionais como um animal selvagem e então como os sub Evos vieram deles?

– Está é uma pergunta muito boa, mas que ainda não tem resposta, pois não descobrimos nada sobre isto, só temos teorias.

– Então como matá-los?

– Nos primeiros anos que eles apareceram, a Iw criou os titãs, que são robôs gigante para lutar contra eles, mas hoje eles estão em museus. Por que se tornou uma tecnologia ultrapassada e cara, agora temos o exos traje, que mais barato e mais avançado, fora que qualquer soldado treina com eles e então qualquer pode usá-lo.

– E o seu ponto fraco?

– Porque realmente quer saber sobre Evos, Drake?

– Vocês sabem o por que.

– É sabemos, e por isto é que estão dispensados por hoje. E a propósito essa é a nossa última aula, já expliquei o que tinha que explicar, então até mais.

Saímos do auditório e já nos chamaram para outro treinamento, nem tivemos tempo de comermos.

Enquanto saíamos conversávamos, eu queria saber o por que de Drake ter falado aquilo, por que ele está mais adiantado que nós, então perguntei ao Luan.

– Luan você sabe qual a relação de Drake com os evos??

– não sei, ninguém sabe mas é algo triste de seu passado.

– Como assim triste?

– Acho que um trauma.

– Será que ele, foi transferido para cá, por causa de um evo.- Não sei.

Fomos para a área 313,depois de estarem todos presentes lá, o sargento entra no local com quatro carros. Ele desce de um dos veículos , e fala.

– eu sou o sargento Houston vou, ensinar as vocês a dirigir.

-Mas ,a maioria já sabe dirigir.

– vocês sabem dirigir no método normal e não no nosso método.- Mas tem diferença, pois para mim é tudo igual.

Douglas está ao meu lado, ele fica fazendo perguntas a mim,como se eu soubesse de algo.- acha que ele vai nos ensinar a dirigir tipo um corredor de fórmula 1?- sei lá Douglas.

– Então você acha que pilota?

– Mais ou menos.

– Entra em um dos carros, magrão grandalhão entrem nos outros carros. Brenda e outro dois membros entraram nos carros.

O sargento vai até o carro onde Brenda está e lhe diz, com um tom de sarcasmo.- vamos espertinha, mostra o que diz que sabe.

Brenda apenas sorriu para ele, ela ligou o carro e começou a andar com o carro por toda a área da iw e nas curvas ela fazia drifts impecáveis, como uma piloto profissional.

Fiquei impressionado ao observa-la a fazer aquilo, nunca tinha visto nada igual, só pensava como ela sabe fazer tudo isso?

Douglas estava ainda mais impressionado do que eu ao observa-la.- Cara eu estou ficando ainda mais apaixonado por ela.

Brenda após humilhar geral no carro,ela para o veículo na frente do sargento, e sai do carro.- o que achou sargento?

– Retiro o que disse, tem pessoas aqui que sabem dirigir usando o método da iw.Ela apenas sorri ao ouvir isto.

– Próximos!!

– Perai nos não vamos? Quer dizer eu, Logan,Drake e Douglas não fomos ainda.- Não precisam aprender a dirigir, o esquadrão de vocês já tem uma piloto incrível.- Perai somos um esquadrão?

– estão dispensados por hoje, podem ir comer.

Fomos para o refeitório, enquanto comíamos, Douglas não parava de falar.- Você foi incrível Brenda, como sabe fazer aquilo?

– Meu pai era piloto, então ele me ensinava no seu tempo livre.

– Você realmente foi muito boa.

– Valeu Logan.

– Logan está certo.

Ela ficou sem jeito, após receber tantos elogios. Douglas percebeu isto e já mudou de assunto.

– Mudando de assunto, você viram o que o sargento disse sobre nós.

– Que somos um esquadrão?

– Sim, exatamente Luan.

– Mas isso é óbvio.

– Como assim?

– UE vocês sabem?

– Não.

– É por isto que estamos no mesmo quarto, para já nos acostumar um com o outro.

– Já faz sentido.

Eu não havia pensado nisto, mas se é verdade o que o Luan falou então porque somos treinado por um só sargento, e não por vários como os outros recrutas.

Depois do refeitório voltamos para o nosso dormitório, isso já era 20:00, quando fomos para o dormitórios. Cada um foi para o seu quarto, a maioria simplesmente dormiu, eu não conseguia pegar no sono, então fui tomar banho.

Drake está em seu quarto, ele tira a camisa , olha para sua cicatriz que possui no peito, perto das costelas, por um espelho em seu quarto, a cicatriz lembra arranhões semelhantes a de um gato, só que maior. Ele toca nela e imediatamente lembra de quando a conseguiu.

Ele lembra de um local escuro, dentro de uma casa. Ele está fugindo de algo, o mesmo está ferido, com cortes em formato de garras em seu peito, sangrado e com medo, ele tenta alcançar a porta para fugir desta casa, mas quando ele iria alcançar a porta para fugir, surgi em sua frente um ser de olhos brancos que brilhavam naquela lugar escuro.

84340cookie-checkLogan

Tags: {{chapter_after_readerarea_novel_tags}}, ,

Série Relacionada

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Capítulo 8